Encontrada há 300 anos, imagem de Aparecida virou símbolo

Encontrada há 300 anos, imagem de Aparecida virou símbolo

Compartilhe esse conteúdo

59dfc000bf876a01a3013239.jpg

Nossa Senhora Aparecida

A padroeira Nossa Senhora Aparecida completa nesta quinta-feira (12) 300 anos de adoração no Brasil.
A imagem de Aparecida -encontrada por pescadores em 1717- acompanha o Brasil desde que o país era colônia de Portugal. Saiba mais a seguir.

A HISTÓRIA
A imagem de Nossa Senhora da Conceição foi provavelmente esculpida em meados do século 17 pelo frei Agostinho de Jesus, discípulo do português frei Agostinho da Piedade, primeiro escultor erudito atuante no Brasil
Foto mais antiga conhecida, de 1869, publicada em um jornal de Guaratinguetá (SP)

A IMAGEM
A imagem original de barro cozido deixa o nicho uma vez ao ano, em data secreta, para limpeza cuidadosa feita pela mesma restauradora Maria Helena Chartini, que a reconstruiu em 1978

A COR
Na restauração de 1978, foram encontrados vestígios de tinta colorida. Originalmente, o ícone teve cores como outras da mesma época. A imagem abaixo, também criada por Agostinho de Jesus, faz parte do acervo do Masp

RESTAURAÇÕES
Foto antiga mostra que os cabelos compridos foram introduzidos provavelmente no início do século 20, como forma de sustentar a cabeça da estátua

MASP
Após o atentado de 1978, partes como o lado direito do rosto foram reconstituídas no Museu de Arte de São Paulo com base em duas réplicas fornecidas pela arquidiocese
Os 200 pedaços foram entregues ao Masp em uma caixa após o brasileiro Deoclécio Redig de Campos, então diretor do Museu do Vaticano, indicar a instituição para cuidar do restauro

ORNAMENTOS
Manto e coroa reforçam o caráter sagrado da imagem e a alta posição da Virgem na hierarquia celeste católica

O NICHO
A imagem está localizada em um nicho inaugurado em 2011 e criado pelo artista plástico Cláudio Pastro (1948-2016)
O dourado do nicho e do retábulo lembra a citação do livro do Apocalipse (Ap 12,1): "E viu-se um grande sinal no céu: uma mulher vestida de sol, tendo a lua debaixo dos seus pés, e uma coroa de doze estrelas sobre a sua cabeça"

AS REPRODUÇÕES
A imagem tradicional da padroeira com manto e coroa é reproduzida pelo Brasil com interpretações e materiais diversos

Fontes: Santuário Nacional de Nossa Senhora Aparecida, Masp e Museu de Arte Sacra de São Paulo