Menos mortes nas rodovias federais nos últimos feriados de 2016, diz PRF

Menos mortes nas rodovias federais nos últimos feriados de 2016, diz PRF

Compartilhe esse conteúdo

Entre o dia 23 de dezembro de 2016 e 1º de janeiro de 2017, período que compreende as festas de fim de ano, as rodovias federais do estado registraram 43 acidentes, tendo sido 14 com gravidade. Foram 41 feridos e oito mortes. Quando comparados com o mesmo período do ano anterior, percebe-se uma redução nos dados. Em 2015 foram 54 ocorrências, que resultaram em 59 feridos e 21 mortes. Quando comparados os números de acidentes, a redução entre esses anos chega a 20,3%, enquanto que os óbitos reduziram quase 62%.
 
Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), que repassou os números, isso ocorreu devido às datas, que não ocorreram em fins de semana prolongados, e também ao esforço de fiscalização e educação, intensificado no período medido.
 
Quanto à jurisdição estadual, um acidente grave foi registrado na Avenida Prudente de Morais, no bairro de Petrópolis. A estudante de Direito Marília Soares Machado Gomes, de 20 anos, morreu na manhã do domingo, dia 1º, em uma colisão frontal entre o carro que dirigia e uma árvore do canteiro central da avenida. A jovem ainda chegou a ser socorrida, mas não resistiu aos ferimentos.
 
Essa foi uma das três mortes registradas pelo Comando de Policiamento Rodoviário Estadual (CPRE), na Operação Réveillon, feita no feriado da virada do ano. Outra ocorrência fatal ocorreu na RN-203, entre os municípios de São Pedro e São Paulo do Potengi e a terceira na RN-086, próximo a Parelhas.