MP3s deixam as pessoas mais tristes, diz estudo

MP3s deixam as pessoas mais tristes, diz estudo

Compartilhe esse conteúdo

Um estudo da Audio Engineering Society, uma associação de engenheiros de som da cidade de Nova Iorque, nos Estados Unidos, aponta aque MP3s e formatos digitais de áudio de compactação de baixa qualidade têm um efeito distinto nas características dos timbres e emocionais dos instrumentos envolvidos. De acordo com o estudo, a compressão do MP3 fortalece características emocionais neutras e negativas nos sons dos instrumentos e enfraquece as positivas.

O estudo batizado de "The Effects of MP3 Compression on Perceived Emotional Characteristics in Musical Instruments" (Os efeitos da compressão MP3 sobre características emocionais percebidas em Instrumentos musicais) analisou amostras de música comprimidas e não comprimidas em várias taxas de bits com mais de 10 categorias emocionais.

A análise descobriu que a compressão MP3 reforça características emocionais como a timidez, medo e tristeza e enfraqueceu aspectos positivos, como felicidade, calma e alegria. Curiosamente, a característica emocional da raiva foi relativamente pouco afetada pela compressão de MP3.