Refinaria Clara Camarão bate recorde de produção de querosene de aviação

Refinaria Clara Camarão bate recorde de produção de querosene de aviação

Compartilhe esse conteúdo

A Refinaria Potiguar Clara Camarão, que fica na cidade de Guamaré, distante cerca de 180 quilômetros de Natal, bateu recorde de produção de querosene de aviação na última semana de 2016. Ao todo, a refinaria produziu 17 milhões de litros mensais.

A informação foi dada pelo presidente do sindicato das Empresas do Setor Energético do Estado do Rio Grande do Norte (SEERN), Jean-Paul Prates, também membro do Conselho Fiscal do Sindicato das Empresas do Setor de Petróleo, Gás e Combustíveis do Estado do RN (SIPETRO/RN) nesta sexta-feira (6).

O resultado foi comemorado por Prates, já que essa produção possibilita o abastecimento local de mais de 800 voos por mês. 

Confira a nota de Jean-Paul Prates: 

"A Refinaria Potiguar Clara Camarão (RPCC), localizada em Guamaré/RN, bateu mais um recorde de produção de querosene de aviação (QAV) na última semana de 2016: 17 milhões de litros mensais!
 
Sabe o que isso significa? Possibilidade de abastecimento local de mais de 800 vôos por mês!
 
E já temos a capacidade de ir a 21 milhões de litros por mês de QAV, apesar do limite atual da produção, determinado pelo Plano Nacional de Abastecimento.
 
Não me canso de elogiar a competência técnica, a perseverança e a dedicação da equipe da RPCC em mostrar como é viável e importante a produção de derivados de petróleo aqui no Rio Grande do Norte."