Secretário de Saúde preso fraudando Enem é gestor em Alto Santo

Secretário de Saúde preso fraudando Enem é gestor em Alto Santo

Compartilhe esse conteúdo

O Secretário da Saúde preso em Fortaleza suspeito de fraude no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), no segundo dia de prova, neste domingo, 6, é o gestor do município de Alto Santo,  Antônio Diego Lima Rodrigues. A informação foi repassada por uma fonte da Polícia Federal ao jornal O POVO, do Ceará.  
 
Segundo o jornal cearense, a operação aconteceu de forma discreta e foi solicitado que o coordenador da faculdade, no Centro de Fortaleza, onde acontecia a prova, fizesse uma abordagem por meio de um detector de metal. 
 
O POVO apurou que o candidato foi convidado para outro local durante a prova, para ser submetido ao detector, que não foi usado pelos policiais federais.
 
A PF acompanhou com cuidado para que a operação acontecesse de forma velada, sem que atrapalhasse ou chamasse a atenção dos demais alunos que faziam prova, diz o portal do jornal.
 
"Depois de encontrado o dispositivo foi dada a voz de prisão para não chamar atenção. Foi como uma abordagem de rotina, fora do local da prova", relatou uma fonte da PF. 
 
 O envolvimento de outras pessoas no caso ainda está sendo investigado pela PF. O suspeito deve continuar preso e não cabe fiança. 
 
Para ler a reportagem completa de O POVO, clique aqui.