Torcedores do São Paulo se reunem com time, Dorival e diretoria

Torcedores do São Paulo se reunem com time, Dorival e diretoria

Compartilhe esse conteúdo

59b966febf876a361a4aa07a.jpg

Torcedores foram ao CT conversar sobre má campanha do clube

A manhã desta quarta-feira (13) foi marcada pelo encontro entre torcedores organizados, comuns e sócios-torcedores do São Paulo com jogadores, comissão técnica e dirigentes. A reunião começou pouco depois das 11h30, assim que os grupos de uniformizados chegou ao Centro de Treinamento da Barra Funda. Além de elenco e diretoria, o ex-jogador Raí, um dos maiores ídolos do clube, hoje membro de seu Conselho de Administração, também participou do encontro.

O conselho, aliás, se mostrou contrário à decisão da diretoria em abrir as portas de seu CT, principalmente para dialogar com líderes das torcidas organizadas Tricolor Independente e Dragões da Real. Apesar disso, o formato da reunião foi definido na última terça-feira. Jogadores, dirigentes e membros da comissão técnica chegaram ao local por volta das 11h. Mais tarde, diretores executivos de áreas concentradas no Morumbi também compareceram.

Os torcedores chegaram por último -alguns a pé, outros de carro. Seguranças do São Paulo vigiavam o portão do CT, que no ano passado acabou arrombado durante protesto que terminou em invasão e agressão a jogadores.

Líder da Independente, Henrique Gomes, o Baby, falou brevemente com a imprensa presente no local para explicar as reivindicações do grupo. "A gente quer saber quem tem coragem de vestir essa camisa. A gente vai perguntar e se alguém falar que não tem, a gente vai pedir para que saia. A torcida vai continuar apoiando até o fim, até completar 47 pontos. Depois vamos procurar os culpados", disse.

O elenco são-paulino ainda faz nesta quarta-feira (13) o terceiro treinamento da semana, preparando-se para enfrentar o Vitória no domingo (17), em Salvador. O time está na 19ª posição do Campeonato Brasileiro, restando 15 rodadas para o final.