Corpo de subtenente que sumiu no Potengi segue desaparecido

Corpo de subtenente que sumiu no Potengi segue desaparecido

Compartilhe esse conteúdo

598ee44f8a8d3601c46c3ba7.jpg

Subtenente tinha hábito de pescar 

O corpo do subtentente PM aposentado Amaurí Soares Firmo segue desaparecido no rio Potengi. Ele teria sido morto na quinta-feira (10) quando pescava nas proximidades da comunidade do Passo da Pátria. 

Segundo informações da Polícia Militar, o subtenente aposentado, o sargento João Maria da Silva e um amigo deles, que é civil, estavam pescando quando foram atacados por quatro homens que tentaram assaltá-los. 

Houve troca de tiros e um dos criminosos foi baleado. Ele deu entrada no Pronto-Socorro Clóvis Sarinho, onde permanece internado. No momento do confronto, o subtenente, o sargento e o civil pularam na água. O civil nadou até uma área de mangue onde fica a Cavalaria da PM e o Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope), na Zona Norte da cidade. Por volta das 22h, o sargento foi encontrado, resgatado e levado para o Hospital Santa Catarina.

Na sexta-feira as equipes de busca encontraram a canoa usada pelos policiais militares. As buscas estão sendo realizadas por uma lancha do Corpo de Bombeiros, uma lancha da Marinha, uma da Escola Náutica e três jets skis cedidos. Depois de encontrar a canoa, as buscas continuam na tentativa de localizar o corpo do subtenente Amaurí Firmo.